Marcadores

acessos (3) Acidentes (3) Anatomia (4) Articulações (4) Artralgia (1) Artrite (11) Artroscopia (1) Artrose (3) Atrofia muscular espinhal (1) Aula (1) Avaliação (3) Backhand (1) bioimpressora (1) Bursite (1) cartilage (1) Cartilagem (2) Cervical (2) Ciclistas (1) Cifose de Scheuermann (1) cinesiologia (2) cirurgia (1) claudicante (1) CMT (1) Cobb (1) Coluna Lombar (3) Coluna Toráxica (1) Coluna Vertebral (4) Corpo Humano (7) Cotovelo (2) criança (1) Crônica (1) Curiosidades (4) Dedo em Gatilho (3) Degenerativa (1) Descobertas (1) Diabetes (3) diabética (2) Diagnóstico (11) Dicionário (1) Diconário (1) Dissecação (1) Distensão (1) Doença (13) Dor (6) Dupuytren (1) Edital (1) Elliot Krane (1) esclerose múltipla (1) Escoliose (2) Espondilite (2) Espondilolistese (2) Espondilose (2) Estiloide (1) Estudo (2) Eventos (2) exame clínico (6) Exame físico (11) Exosesqueleto (1) Fêmur (1) Fibromialgia (1) Finkelstein (1) fixadores (1) flexores (1) Forehand (1) Fratura (6) Gessado (1) Glasgow (1) Gota (1) Hérnia de Disco (1) impressão 3D (1) Inflamação (1) Joelho (12) knee (5) Lasègue (1) Lesões (11) Lombalgia (1) Lombar (2) Manual (1) mão (5) marcha anormal (1) Medicina (6) Médico-Paciente (2) Mellitus (1) membros inferiores (4) Membros Superiores (2) motor (1) Movimento (3) Mulher (1) Musculoesquelética (3) Músculos (2) Nervo (5) Neurológico (2) Neurônio (1) Ombro (4) órgãos (1) ortopedia (2) Ortopédico (3) Óssos (4) Osteoartrite (4) Osteocondrite dissecantes (1) Osteocondrose (1) osteomielite (2) Osteonecrose (1) osteoporose (2) Paralisia Cerebral (2) (7) pé torto congênito (1) Perna (3) Pérolas Clínicas (1) Perthes (1) Poliartrite (2) Postura médica (1) Prognóstico (1) prótese (3) Psoríase (1) Quadril (2) questões resolvidas (2) Recém Nascido (1) Relação (1) Reumáticas (3) Reumatóide (3) RN (1) SBOT (2) Schober (1) Sensitivas (1) Tecnologia (2) tendão (2) tendinite (3) Tenossinovite (1) TEOT (1) Testes (11) Tornozelo (2) Tratamento (4) trauma (2) Trendelenburg (1) Trigger Finger (1) Tumores (1) Túnel do Carpo (2) Ulnar (1) Úmero (1) vídeo (7) Vila Olímpica (1)

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

TUMORES ÓSSEOS – IIª PARTE – Perguntas e respostas


Qual é o nome da síndrome de encondromatose múltipla?

A síndrome de encondromatose múltipla é chamada de doença de Olier.

O que é um tumor de células gigantes do osso?

O tumor gigantocelular é uma lesão agressiva, caracterizada por tecido bem vascularizado feito de células gigantes arredondadas e multinucleadas.

O que é um condrossarcoma?

Um condrossarcoma é um tumor maligno no qual o tecido neoplásico básico é a cartilagem totalmente desenvolvida, formada diretamente pelo estroma sarcomatoso.

Descreva os achados clínicos em um paciente com condrossarcoma.

A dor é o sintoma mais comum nos pacientes com condrossarcoma. A sensibilidade local está presente com a dor. Uma massa tumoral indolor de longa data pode ser o sintoma de apresentação. O condrossarcoma é visto em um amplo grupo etário, variando de 11-70 anos. Os locais mais comuns são pelve, costelas e cintura escapular.

Cite os tumores malignos formadores de osso.

Sarcoma osteogênico primário, Sarcoma osteogênico secundário originando-se na doença de Paget, Osso irradiado.

 O que é um sarcoma osteogênico?

Um sarcoma osteogênico é um tumor ósseo maligno no qual o estroma celular proliferativo produz diretamente osso osteóide ou imaturo.

O que é um sarcoma de Ewing?

O sarcoma de Ewing é um tumor maligno primitivo do osso, caracterizado por pequenas células uniformes e densamente agrupadas com núcleos redondos, mas sem bordas citoplasmáticas distintas.

Descreva a apresentação clínica e as características do sarcoma de Ewing?

Muitos pacientes com sarcoma de Ewing têm febre leve à moderada, anemia, leucocitose e aumento da VSG. Geralmente, está presente uma dor severa. O edema ocorre no local do tumor. Os sintomas neurológicos pode se apresentar secundários ao sarcoma na pelve. Aproximadamente 80% dos tumores ocorrem nas primeiras duas décadas de vida. O fêmur tem a maior incidência de envolvimento, seguido pela tíbia, fíbula e úmero. Os achados da pelve estão envolvidos em aproximadamente 20% dos pacientes.

Qual é o tumor maligno mais frequente no osso?

É o mieloma múltiplo.

Onde se originam a maioria das metástases ósseas?

Mama, próstata, rins e tireóide.

Nenhum comentário:

Postar um comentário